Volumes de cargas no porto de Hamburgo continuam subindo.

O porto de Hamburgo, na Alemanha, segue em curso de crescimento, alcançando um avanço de 4,1% para 69,4 milhões de toneladas em movimentação de cargas marítimas no primeiro trimestre de 2019.

Uma sólida tendência de crescimento no segmento de carga geral de 6,1%, com 48,4 milhões de toneladas foi o principal colaborador para o volume total e movimentação de contêineres. O total de carga movimentada a granel foi de apenas 0,3% menor do que no primeiro semestre do ano passado, 21 milhões de toneladas.

O aumento de 7,5% para 4,7 milhões de TEU na movimentação de contêineres é atribuído principalmente aos quatro novos serviços da linha que ligaram a cidade de Hanseática aos portos dos EUA, Canadá e México no início do ano. Os 283.000 TEU movimentados em Hamburgo em serviços de contêineres com os Estados Unidos desde o início do ano levaram os EUA ao segundo lugar entre os parceiros mais importantes de Hamburgo para serviços de contêineres.

Agora o porto de Hamburgo está ligado diretamente por um total de 14 linhas de serviços com 29 portos nos EUA, México e Canadá.

Durante o primeiro semestre, o número total de navios porta-contêineres com rota para o porto de Hamburgo aumentou de 3,7%, para um total de 3.046 atracados no porto. Entre eles, 89 transportadoras de contêineres ultra grande ou 36,9% a mais, com uma capacidade de 18.000 TEU.

Para o segundo semestre, num contexto de repercussão no comércio transoceânico mundial que é influenciado pelas atuais disputas comerciais e monetárias entre os EUA e a China, o Porto de Hamburgo prevê um crescimento total de quatro por cento no volume de carga transoceânica e um entre cinco e seis por cento no manuseio de contêineres.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Guia Marítimo. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.