Empresa de comércio exterior registra melhor trimestre de exportação de minério dos últimos 3 anos

Tek Trade registrou aumento de 15% em exportação de manganês nos primeiros três meses de 2021. O cenário é explicado pela alta do dólar que torna a commodity mais competitiva no exterior e pela escassez do produto em outros países.

Mesmo diante da pandemia, 2021 tem se mostrado um ano promissor para alguns setores da exportação brasileira. Em abril, o Brasil exportou 25,8 milhões de toneladas de minério de ferro, uma alta de 7,5% em relação ao ano anterior. Quem também teve um crescimento na exportação de minério de manganês foi a empresa catarinense de comércio exterior Tek Trade, com o melhor desempenho neste primeiro trimestre dos últimos três anos, somando 2,6 mil toneladas em exportação do produto. O cenário é explicado principalmente pelo atual patamar do câmbio o que torna a commodity mais competitiva no mercado internacional.

“O dólar apreciado contribui nas exportações. Obviamente que, ao exportar em dólar, vamos ter uma receita maior em reais, favorecendo toda a cadeia. Outro fator que podemos citar é a escassez da commodity no mundo. Por se tratar de extração de um produto natural, e não existe em muitos países esse minério, o Brasil tem uma oportunidade interessante nesse mercado, com potencial de crescimento", afirma o diretor da Tek Trade, Sandro Marin. Os principais países que importam o manganês são China, Índia e Vietnã.

Em 2019 a Tek Trade exportou 3,5 mil toneladas de minério de manganês. Já no ano passado, em virtude da pandemia o mercado estagnou com o fechamento de algumas indústrias. “2021 voltamos a exportar com força para a Ásia o mesmo produto e já atingimos mais da metade do valor total exportado de 2019 ”, destaca Marin.

Extração do minério no Brasil

O Brasil é o segundo maior produtor de ferro do mundo, com cerca de 235 milhões de toneladas. Somente em manganês, o país produz aproximadamente 1,3 milhão de toneladas ao ano, perdendo apenas para a China, África do Sul e Ucrânia. O produto geralmente é utilizado por indústrias siderúrgicas na fabricação de aço e diversos produtos químicos.

No Brasil, o minério é extraído em jazidas localizadas no Quadrilátero Ferrífero, em Minas Gerais; na Serra dos Carajás, no Pará; e no Maciço do Urucum, no Mato Grosso do Sul.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Guia Marítimo. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.